Vejo passar a minha vida,
Como n’um grande cosmorama.

António Nobre

Destaques
  • Sérgio Ribeiro Pinto

    Está a partir de hoje disponível o livro de Sérgio Ribeiro Pinto: «Servidores de Deus e funcionários de César. O clero paroquial da Monarquia à República (1882-1917)». Dissertação apresentada à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, para a obtenção do grau de doutor em História. Sérgio Ribeiro Pinto nasceu no […]

  • Miriam Reyes

    Em março de 2017, a Cosmorama publicará o primeiro livro de Miriam Reyes: ESPELHO NEGRO, em edição bilingue, com tradução de Jorge Melícias. Miriam Reyes nasceu em Ourense, em 1974. Poeta e videocreadora. Aos oitos anos emigrou com os seus pais para Caracas. Estudou Letras na Universidad Central de Venezuela e Filología Hispánica na Universitat de […]

  • Hugo Mujica

    Hugo Mujica nasceu em Buenos Aires, em 1942. Estudou Belas-Artes, Filosofia, Antropologia Filosófica e Teologia. Esta multiplicidade de saberes perpassa uma obra que abarca a filosofia, a antropologia, a narrativa, a mística, a poesia e a indagação estética. A sua obra poética, representada em quinze países, foi publicada em Portugal pela Cosmorama Edição: MARGENS, antologia […]

  • Daniela Camacho

    Em 2017, a Cosmorama publicará quatro livros de poetas contemporâneos de língua espanhola: ESPELHO NEGRO de Miriam Reyes, A ETERNA QUALQUERCOISA de Martín López-Vega [ambos espanhóis], ARTE E FUGA da argentina María Negroni e EXPERIENCIA BUTOH da mexicana Daniela Camacho. Quatro edições bilingues, com traduções para português de Jorge Melícias. DANIELA CAMACHO nasceu no México, […]

  • Raul Brandão

    Raul Brandão nasceu no Porto, em 1867. Em 1917, há cem anos, publicou HÚMUS. Em 2017, a Cosmorama junta-se à Cátedra Poesia e Transcendência, da Universidade Católica Portuguesa, na organização do Colóquio Internacional em Homenagem a Raul Brandão nos 150 Anos do seu Nascimento e no Centenário de HÚMUS, que decorrerá no Centro Regional do […]

  • Estende a mão ao milagre

    «Não deixes o cansaço instalar-se em vez disso silenciosamente como a um pássaro estende a mão ao milagre.» «Estende a mão ao milagre» é uma antologia da poesia de Hilde Domin, importante poetisa alemã que nasceu em Colónia, em 1909. Estudou Direito, Filosofia e Ciências Políticas, tendo-se doutorado em História Política da Renascença, em 1935, […]

  • Acerca do desterro

    A Cosmorama publicará em 2017 o projeto de pós-doutoramento de José Rui Teixeira: «Acerca do desterro: hermenêutica literária e arqueologia cultural», desenvolvido na Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Católica Portuguesa [Braga] em 2015 e 2016, sob orientação de João Manuel Duque e Mário Garcia. Neste documento, para além do destaque de figuras […]

  • Martín López-Vega

    A Cosmorama editará, em 2017, tradução de Jorge Melícias, «A eterna qualquercoisa», livro do poeta asturiano Martín López-Vega, que nasceu em Poo de Llanes, em 1975. Martín López-Vega publicou vários livros de poesia, representados na antologia «Retrovisor» [2013], a que se seguiu «La eterna cualquiercosa» [2014]. Em 1997 foi publicado o livro de crónicas «Cartas […]

  • Sobre fio de lume

    «a arborescência dos afectos abriga-nos da inclemência nocturna raramente é absoluta a solidão» Em 2008, a Cosmorama editou «sobre fio de lume», de Luís Soares Barbosa, autor de «onde sopra o vento» [Quasi Edições, 2004] e «embora seja noite» [Cosmorama Edições, 2007]. No final de 2016, a Câmara Municipal de Braga publicou «e fico só […]

  • Guilherme de Faria

    Guilherme de Faria nasceu em Guimarães, no dia 6 de outubro de 1907. Já em Lisboa, desde 1919, publicou «Poemas» e «Mais Poemas» [1922], «Sombra» [1924], «Saudade Minha» [1926], «Destino» e «Manhã de Nevoeiro» [1927]. Pôs fim à sua vida com apenas 21 anos, no dia 4 de janeiro de 1929, na Boca do Inferno […]